O que a NBR 20345 diz à respeito dos calçados de segurança?

Sem categoria

Quando se fala sobre equipamentos de proteção individual, é importante sempre levar em conta a legislação vigente que regulamenta os procedimentos e requisitos para oferecer esses EPIs. Cada função desempenhada em uma empresa exige certos tipos de EPI, de acordo com os riscos que essa tarefa pode oferecer para o trabalhador. Os calçados de proteção é um tipo muito comum de equipamento de proteção.

A norma que traz todas as principais informações sobre o uso de calçados de proteção é a NBR 20345. É muito importante que as empresas estejam atentas ao seu conteúdo, para entender quais são os padrões dos calçados de segurança, bem como a importância desses requisitos básicos para a proteção dos funcionários.

Se você não conhece muito bem sobre como é a NBR 20345 e quais são os requisitos mínimos que ela traz para os calçados de segurança, continue por aqui para entender melhor sobre o assunto, além de saber sobre as principais informações dessa normatização. Vamos lá?

Afinal, o que é a NBR 20345 para calçados de proteção?

Os calçados de segurança são equipamentos de proteção individual essenciais para garantir a saúde e integridade física dos trabalhadores, ainda mais para aqueles que estão sujeitos a situações de risco e precisam de certa atenção com relação aos pés e aos locais onde eles transitam.

A NBR 20345 chega como uma norma específica para esse tipo de equipamento, abordando os requisitos básicos e também os adicionais para a produção de botinas de segurança, calçados de proteção e diversos outros tipos de sapatos que são classificados como EPIs para atividades industriais.

O principal conteúdo da norma são os requisitos básicos e adicionais para calçados de segurança que são utilizados para a proteção dos pés de trabalhadores em geral. Ela traz as condições baseadas nos riscos mecânicos, na resistência ao escorregamento, bem como no comportamento ergonômico e também nos riscos térmicos que o ambiente oferece para o trabalhador.

Portanto, antes de determinar quais os tipos de calçados de segurança que devem ser utilizados, é muito importante analisar e consultar a norma. Afinal de contas, ela vai trazer todos os padrões necessários para que os calçados sejam seguros para os funcionários. Esses calçados podem ser divididos em:

  • calçado de segurança para bombeiros;
  • calçado de segurança para isolamento térmico;
  • proteção contra químicos e metais fundidos;
  • proteção contra acidentes por motosserra;
  • proteção para motociclistas, dentre outros.

Quais são os padrões de calçados de proteção estabelecidos pela NBR 20345?

Para que os calçados de proteção consigam trazer a segurança necessária para os trabalhadores, é muito importante que ela traga venha com características específicas, de modo a garantir que o trabalhador possa exercer suas atividades sem os riscos de acidentes de trabalho.

A NBR garante que todos os calçados sejam produzidos de acordo com o padrão estabelecido. Veja aqui alguns desses requisitos básicos:

  • área do salto;
  • altura do cabedal;
  • desempenho da sola;
  • resistência ao vazamento;
  • resistência ao escorregamento;
  • espessura do cabedal;
  • proteção do dedos;
  • resistência ao impacto na região dos dedos;
  • resistência ao rasgamento e à flexão;
  • propriedades de tração;
  • permeabilidade e coeficiente de vapor de água;
  • absorção de água;
  • abrasão de palmilha de montagem e interna.

Qual é a importância desses requisitos básicos para os calçados de proteção?

O mercado está cheio de fábricas e marcas responsáveis pela produção desses sapatos de segurança. Os trabalhadores que são expostos a situações de riscos devem utilizar desses calçados durante todo o momento que estiverem realizando suas tarefas, para garantir a proteção adequada.

Os calçados devem ser de qualidade, para não trazerem problemas para os funcionários que os utilizam. Sendo assim, é muito importante ter uma garantia de que as empresas responsáveis pela fabricação utilizam materiais de primeira, tendo todos os requisitos básicos estabelecidos pela NBR 20345, levando em conta a resistência do produto, para que seja possível minimizar os riscos aos quais os profissionais serão expostos.

É muito importante que a empresa ofereça esses equipamentos que atendam a essa NBR, bem como fornecer aos funcionários um produto de qualidade, trazendo a proteção necessária, independentemente do tipo de tarefa que o funcionário exerce na fábrica.

Por que é importante utilizar calçados de proteção?

Primeiramente, vale destacar que os calçados de proteção é o tipo de EPI mais utilizado do mundo, fazendo jus à necessidade do nível de segurança que deve ser fornecido aos trabalhadores. E esse amplo uso do equipamento, em meio aos trabalhos na indústria, deve-se às diversas situações de risco às quais os trabalhadores estão submetidos.

Os calçados de proteção são utilizados para evitar os seguintes riscos, que podem ser facilmente neutralizados pelo EPI:

  • riscos de corte e perfuração;
  • quedas de objetos;
  • riscos de escorregamento;
  • queimaduras causadas por produtos químicos;
  • riscos de exposição a temperaturas baixas.

Porém, mesmo sabendo de todos os requisitos mínimos para o uso desses calçados, é necessário ficar atento às condições do equipamento, bem como oferecer um treinamento para que os funcionários conservem bem o material e cuidem para que ele não se desgaste com facilidade. Isso porque a segurança do colaborador estará comprometida se o EPI não estiver em boas condições de uso.

Os calçados de segurança, que podem ser botas, sapatos e botinas, são equipamentos utilizados diariamente e para diversas atividades, demandando, dessa forma, um cuidado redobrado para ter sua durabilidade e vida útil prolongadas. Com isso, fica mais fácil garantir a segurança do usuário.

Como qualquer outro tipo de equipamento de proteção individual, é dever da empresa fornecer para seus trabalhadores todos os materiais, bem como fazer o controle e monitoramento para realizar trocas e dividir os calçados de proteção de acordo com o tipo de tarefa executada na empresa.

Por fim, vale ressaltar que, se você tiver qualquer dúvida a respeito do uso dos calçados de proteção, basta consultar a NBR 20345, onde você encontrará todas as informações necessárias sobre esses produtos, assim como os padrões determinados para a fabricação desses calçados.

Gostou de entender mais sobre a importância da NBR 20345 e também a respeito do uso de calçados de proteção? Quer ver mais assuntos como este? Então veja, também, como escolher e higienizar os calçados de proteção!

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *